Dicas

Sobre despedidas…

E nesse natal o céu ganhou mais duas lindas estrelinhas, o Brad e o Stitch. Só consigo pensar na saudade que vocês vão deixar…

O Stitch apareceu na minha vida e me conquistou com as suas orelhinhas pontudas e linguinha de fora, seu coração era grande demais pra viver em um mundinho como o nosso, lá dentro só tinha espaço para o amor. Vou sentir falta da sua companhia e do seu carinho. Queria ter te conhecido antes para termos aproveitado toda a nossa vidinha juntos. Eu te amo, meu príncipe.

 

Já o Brad era um poodle de 17 anos, acompanhou a infância e toda a adolescência da minha mãe, foi um doce companheiro por todos esses anos. É difícil pensar em um momento em que ele simplesmente não estivesse por perto.

Hoje em dia o seu pique já não era o mesmo, tinha perdido a visão, audição e até o seu olfato não era mais um dos melhores, tinha perda óssea, pele fininha e cheia manchinhas senis (quem disse que envelhecer é fácil, não é?), mas teve uma coisa que a idade e os anos que passaram não conseguiram tirar dele: A alegria de estar vivo.

O Brad era MUITO carinhoso, adorava um cafuné e mesmo com toda a dificuldade que surgiu com o passar dos anos, seu rabinho era simplesmente incansável. Nunca vamos esquecer desse rabinho que chacoalhava o seu corpo todo.

Nós sabemos que 17 anos é muito tempo, mas ter essa consciência não faz com que doa menos. Se despedir nunca é fácil.

Achava que você era um cãozinho Higlander, que ficaria com a gente para sempre, mas hoje só tem espaço pra saudade em nossos corações.

O que nos conforta é saber que apesar das suas dificuldades, você era feliz, não sofreu e virou uma estrelinha dormindo.

Abane muito seu rabinho no céu dos cachorros. Manda um beijo pra Julie, pra Rebecca e pra Misty, fala pra elas que sentimos muitas saudades. E por favor, cuida bem do meu Stitch, só não vão aprontar muito, viu?

Fica aqui todo o nosso carinho, amor e gratidão!

Amamos vocês e até logo!

Etiquetas

Cris Assanuma

Funcionária em período integral de 3 gatas e um cachorro que acha que é gato. Quando eles permitem sou artista visual, ilustradora e criadora de conteúdo. Compartilhamos um pouquinho da minha vida com a Sayuri, Karin, Yumi e Boss; dicas, passeios, eventos e o nosso lifestyle.

Artigos relacionados

Fechar